segunda-feira, 7 de junho de 2010

Polêmica da vida amorosa

Polêmica da vida amorosa

É fato que todos estamos em busca de estabilidade em nossos relacionamentos amorosos. Vivemos freneticamente voltados para a busca de equilíbrio, onde acreditamos atingir a maturidade de um relacionamento onde possamos confiar. Porém, nem tudo acontece dessa forma, homens e mulheres estão em um verdadeiro desencontro de opiniões, prova disso foi quando citei em meu twitter (MarcosAngeloRJ), que eu acredito que, uma mulher busca em um relacionamento amoroso, as seguintes coisas: dedicação, carinho, atenção, amor e respeito. Isso causou um verdadeiro festival de mensagens, onde as mulheres tornaram-se partes principais de concordâncias em minhas palavras, afirmando que os homens não cumprem esse papel, os homens estrategicamente, calaram-se diante de tais manifestações, tudo bem que teve quem quis aumentar a lista de requisitos (risos), mas, contudo, foi divertido e polêmico.

Entre toda essa polêmica feita, houve uma pessoa que sugeriu que eu disponibilizasse em meu blog, a difícil tarefa de intermediar essa situação. Aceitei o desafio, acreditando que entre homens e mulheres, todos sairão ganhando.

A regra dessa polêmica é a seguinte, tanto homens, como mulheres, poderão fazer seus comentários nessa postagem onde o tema é relacionamento amoroso, tudo em prol da melhora e acordo entre as partes. A exceção para aprovação destas postagens está na não aprovação em caso de possíveis palavrões, coisa essa que tenho certeza não irá acontecer não é mesmo, aliás, trata-se de um blog, onde tanto crianças, como adultos leitores, considero de um ótimo nível de compostura.

Torno aberta a polêmica, confiante de que homens e mulheres ficarão satisfeitos com os depoimentos. Fazendo de novas e antigas relações, um verdadeiro mar de rosas.

Grande abraço do amigo,
Marcos Angelo

15 comentários:

Tinha disse...

Olá Marcos, participei disso no twitter e achei engraçadíssimo o fato de uma outra pessoa citar que estava faltando algo. Dei boas risadas. Mas o caso é o seguinte: Não somente hoje em dia como já de tempos antigos que os homens não andam dando o ''valor'' devido a sua parceira, seja ela namorada, a tal da ficante ou até mesmo sua esposa. Não passo por isso hoje em dia, porém em relacionamentos anteriores já senti falta de um carinho ou de apenas de uma palavra amiga, um simples gesto ou seja lá o que for. Não são os homens que são todos iguais, mas acredito que a maioria deles não dê o devido valor a quem sempre lhe deu tudo (não são todas as mulheres assim também). Então é sempre bom ouvir seu parceiro ou parceira e tentar inovar sempre, dar e receber atenção, isso é essencial num relacionamento.
Sou uma grande admiradora do seu trabalho Marcos, você está de parabéns pelo seu twitter e seu blog. É bom poder dar minha opinião! Agradeço pelos posts.

Mônika disse...

Olá Marcos, tudo bem? Te sigo pelo twitter e é a primeira vez q venho a seu blog - em tempo: adorei! Então, falar de relacionamento é complexo, sempre parece q deixo a desejar, mas enfim, hoje, com 10 anos de estrada com meu parceiro, sei que somos - como diziam os antigos: a tampa e a panela -. Acredito que para dar certo, requer que ambos confiem um no outro e queiram isso. Percebo que ao passar dos anos, as relações tomam novas dimensões que acabam fugindo do controle das pessoas. Mas manter um relacionamento de sucesso depende unicamente dos dois envolvidos.
Um grande abraço,
Mônika Karvalho.

Adri disse...

Olá, Marcos. Tudo bem???
Como te disse pelo twitter acho que é melhor ambos os lados começarem a rever as posturas que andam adotando.Tenho amigos que também estão reclamando direto do comportamento das mulheres, e agora?? E pior que as reclamações são as mesmas...Quem deixou de fazer algo?? Quem começou esta disputa?? Sei lá...Não coloco minha mão no fogo pelas mulheres, sabia? Acho que todos estão ficando cada vez mais egoístas.
Abraços
Adri Cruz

ADRIENE GOMIDE disse...

"Quando citei em meu twitter (MarcosAngeloRJ), que eu acredito que, uma mulher busca em um relacionamento amoroso, as seguintes coisas: dedicação, carinho, atenção, amor e respeito."
Sim... Meu amigo! Passamos à vida fazendo isso e com isso me levou a refletir sobre o quanto ainda precisamos fortalecer nossa vontade e auto-estima, o quanto nos falta evoluir emocionalmente para nos amarmos mais e usufruir o amor em toda sua plenitude, sem cobrar o que vcs homens n estão preparado p nos darmos. Aprendi a ver com outros olhos essa forma de cobramos o que outro n está preparado p nos darmos, sendo que para achamos alguém que nos de tudo isso como vc citou acima, precisamos antes nos achamos primeiro, ver sobre o que buscamos, pois é preciso haver uma sintonia amorosa que passa muito além da atração física ou do interesse propriamente dito. Senão, haverá sempre a insatisfação e a procura de algo que preencha e dê sentido à existência. É preciso enxergar o outro como nos enxergamos, ou seja, um ser humano com os mesmos defeitos, frustrações e anseios. Esquecemos que vcs, como nós, somos muitas vezes pessoas inseguras e que está aprendendo também através de seus próprios erros

Ana Graña disse...

Olá, Marcos! Não conhecia seu blog, gostei bastante deste espaço, me identifiquei com seu perfil, passei a seguir o blog :)

Vamos ao assunto: penso que muitas mulheres desejam o que você falou, pelos comentários acima, você foi no alvo! Eu, preciso de liberdade, não posso me distanciar do meu cerne.
Quando digo: liberdade, é no sentido de poder ser eu mesma, com meus defeitos e qualidades, utopias.... risos :)Sou casada há vinte anos e tenho a felicidade de ter encontrado um amor assim. Baseado na confiança,respeito, carinho, mas de ambos.
Homens, precisam disso também, somos humanos, independente do sexo. Companheirismo é a palavra chave, para um relacionamento feliz!

Espero ter contribuído, de alguma forma.

Abraços

Nani Soares disse...

Dedicação: tenho um namorado, que me liga de meia em meia hora, não dorme seu meu boa noite, não me deixa dormir sem o dele. Tudo o que faz na vida - praticamente - é em função de me dar o melhor de si..
Carinho: Ele é capaz de dormir do meu lado, fazendo carinho por horas, e entende que às vezes o que eu estou disposta a dar é carinho de volta, e nada mais.. Me dá apelidos carinhosos, e me liga de volta, quando desligo na cara dele.
Atenção: Já falei que me liga o tempo todo? Pra saber como estou? hoohuas Abre mão dos próprios desejos e vontades por meus desejos, meus caprichos, minhas vontades.
Amor: São 2 anos e meio de namoro, desde o primeiro dia que me viu, até aqui, ele disse que me ama, todos os dias, sem esquecer nenhum, involuntariamente. Às vezes diz que me ama, mais de uma vez no mesmo dia. Inclusive, hoje ele já disse que me ama.
Respeito: Sou mais velha, e ele respeita minhas palavras, vontades, infantilidades, meus erros, meus conselhos, minha personalidade, e afins..
Se isso não é amor, o que mais pode ser?
Compreendi bem seu tweet (o citado), achei bem sensível até, para um homem estar escrevendo, por que até hoje, nunca conheci um homem como o meu na vida. Parabéns pelo respeito, e idéias. Beijo grande!

Mari disse...

Oi Marcos! Acho interessante o tema, e veja que só tem mulheres aqui. Eu acho que a mulher, em alguns momentos, fala exageradamente, reclama exageradamente, discute a relação exageradamente...e por ai vai exageradamente. Quanto aos homens eles gostam de mulheres que não dão trabalho, de mulheres com bom humor, que os faça dar muitas risadas. Além disso, ir contra um argumento do homem, só com muito jeitinho e carinho...se a mulher tiver em TPM e elevar a voz, adeus!!! É complicada, encrenqueira e problemática!
Bom por hoje é só...mas tudo tem jeito né? beijão prá você.

Abafa e Se Joga. disse...

Marcos, já te sigo no twitter e estou sempre por aqui em buscas de novos post.

Quanto a essa polêmica, que para mim não é polêmica é fato constatado, mas aqui daria outra discussão. Concordo qndo vc falou que faltava dedicação, carinho, atenção, amor e respeito, mas falta isso tudo, pq nas relações hodiernas falta na verdade é compromisso.

Beijos. Jamille

Alê Serles disse...

A dificuldade que vejo nos relacionamentos amorosos atuais é a facilidade em se desvinciliar do parceiro. Estamos cada vez mais auto-sustentáveis e suficientes. Isso é bom? Sim, claro. Mas quando chegamos ao extremo de não suportar pequenos 'deslizes' do companheiro em prol de uma paixão, amor ou carinho, já se torna um problema.

elizabeth assis da silva disse...

Oi Marcos acho que esta é a segunda vez que estou visitando o seu blog. Na realidade eu me interesso por este assunto, pois tenho aconcelhado algumas pessoas que passam problemas de relacionamento. O que mais tem preocupado a muitos é a fidelidade que hoje é muito difícil, ningueem quer se dedicar a um amor e fazer alguem feliz, elas só querem que alguem as façam felizes e por esse motivo o egoísmo tem levado muitos relacionamentos por água a baixo,infelizmente. Obg pela atenção. Sou sua seguidora no twitter tbm.

lucinhafelicio disse...

Marcos, como você sabe, sou sua seguidora no Twitter e sua amiga no Orkut e Facebook. Acompanho e compartilho de suas idéias, principalmente no que se refere ao positivismo. Me considero alguém muito positiva, de alto astral e que consegue sempre enxergar o lado bom de tudo: nas situações menos boas e também nas pessoas. Acredito que todos possuímos um lado bom, que, ao meu ver é a centelha divina que Deus concedeu a todos nós. Nuns já aflorada e noutros ainda semente esperando que a próxima chuva a germine.
Muito interessante, sem dúvida, sua abordagem sobre o relacionamento homem e mulher. Com sua licença, serei mais atual e abrangente: relacionamento entre duas pessoas, independente de seu sexo.
Sou heterosexual e já tive muitas experiências que me permitem ter uma opinião formada sobre o assunto, mas sempre flexível, podendo ser mudada ou aperfeiçoada sempre.
Penso que a base de um relacionamento é o amor incondicional. Algo muito raro na verdade. O amor incondicional traz consigo todos os outros ingredientes sem os quais a relação não pode perdurar. Quando você ama alguém, incondicionalmente, este amor está acima do egoísmo, que ainda é tão latente, tão forte na maioria das relações. A felicidade que vem deste amor está diretamente ligada à felicidade do outro. É um querer bem. Então, o respeito, o carinho, a atenção, a gentileza, a compreensão, a indulgência, o prazer, tudo flui naturalmente.
Ninguém precisa abrir mão de si mesmo, do que é, em função do outro. Porque ao amar incondicionalmente, você ama, aceita, deseja o outro com ele é e, sendo amado assim, também se sente livre para ser você mesmo. Ninguém precisa forjar nada, se esforçar pra nada, simular, "engolir sapos", dizer "não" pra si mesmo. É não querer possuir o outro como uma propriedade. É permitir e permitir-se. É uma cumplicidade, é um querer dos dois lados. Querer fazer o outro feliz. E sua felicidade, é pura consequência. Para isto tudo ser possível, basta que ambos estejam na mesma sintonia, com a mesma velocidade, intensidade e propósito. Mas o que se vê na maioria dos casos, é uma imposição do que o outro deve ser, segundo aquilo que "eu" espero, que "eu" fantasio, para a "minha" satisfação e capricho. Amar é simples. Se relacionar também. Amai o outro como você deseja ser amado. É isso. Um abraço. Lucinha Felício.

mmacedousa disse...

hey Marcos..olha realmente vida a 'dois' e uma polemica,um dos maiores motivos,queremos ate estarmos a dois,mas porem vida a 'um'e uma serie de fatores,que conseguem fazer de um tempo de paz, em um tempo de guerra.Perdemos o companherismo,amizade,carinho,o respeito e ate mesmo o AMOR,que embora a gente insista em dizer e dificilmente em AMAR,e facil estar a dois e a so,ao mesmo tempo.Confeso eu que so conheci solidao,vivendo a 'dois'.E eu jamais vou culpar os homens por relacionamentos que nao deram certo,acho que o erro e sempre de ambas as partes.Acho que as chances de viver um bom relacionamento,so vai existir quando voce realmente quizer viver a DOIS.E viver a dois vai muito alem de dizer; SIM eu aceito!coisas que talvez voce so vai entender com o tempo,e coisas que voce jamais vai entender,por que o ser humano e um bicho complicado,e vida amorosa sempre sera uma polemica!! carinhosamente by; Marcia Vonlofton.

Fabiana Gambogi Maia disse...

Caro amigo Marcos Ângelo,
No meu ver esse assunto vem desde os primórdios e te garanto que não haverá nenhuma conclusão. Nós mulheres gostamos de discutir relacionamento, isso é fato. Porém homem algum, que eu saiba, gosta da famosa "DR". Acho que seja uma "zona de conforto" para o homem não começar a discutir a sua falha no relacionamento. É claro que existem exceções, (já vi uma)mas são raríssimas. Já nós mulheres colocamos cada coisa em nossas mentes!Putz... Erramos e feio também, mas admitimos! Quem sou eu pra dizer, se a culpa é do homem ou da mulher? Como disse anteriormente, não haverá conclusão para esse assunto, apenas alguns debates. Primeiro para se viver em um relacionamento é preciso se gostar antes de mais nada. Tanto homen quanto mulher. A cada dia que passa, os homens (humanos) são vistos "se arrastando" uns para os outros e isso é ridículo. Sim, já fiz isso antes, nunca irei falar q não irei fazer novamente, pq não sei o dia de amanhã; mas é um bom passo para que ambos sejam respeitados, admirados, etc. A minha conclusão vai ser dada, como foi dada a um amigo meu quando ele me perguntou como fazia pra sair da lama, pq a namorada o deixou.
Gostem de si mesmos! Vamos lá, claro que conseguimos fazer isso! Se não o fizermos antes, nunca teremos um relacionamento digno de ser respeitado.
Um abraço!
Fabiana Gambogi Maia

Anônimo disse...

talvez eu nao entenda muito dessa historia de amor entre um homem e uma mulher...talvez porq nunca tive a sorte de amar ou ser amada.....mas confesso que tenho curiosidade sobre isso! na verdade gostaria de sentir isso..quem nunca sonhou em encontrar alguem especial a tao famosa "ALMA GEMEA"...talvez vc seja a esperança d muita gente!
pelas coisas q escreveu
da pra acreditar que ainda existe chance das pessoas acreditarem q é possivel existir amor verdadeiro entre duas pessoas...
parabens!!
abraço.
angell

K.Rosa disse...

Falarei sobre o sentimento, talvez assim, fique fácil entender as atitudes, pois, estas são decorrentes de "tudo" que sentimos, colocando aí o que queremos, desejamos, enfim qualidades e atributos casados com o amor! A primeira coisa a se pontuar é que quanto maior for seu esclarecimento, ou seja crescimento intelectual, humano,...maior será sua exigência. Serei mais clara, quando uma mulher é independente, por mais bonitinho que seja ligar de meia em meia hora, chega certo ponto( mto rápido por sinal) não é que cansa, mas gera um controle alheio que é desnecessário, pelo fato dela(e) já serem maduros; é como se entrasse em um jogo, onde cada um já sabe sua posição, deixando que o tempo revele as surpresas deste relacionamento.(primeiro posicionamento)
Segunda coisa que precisa ser observada, será que nossa "Lista" em relação ao outro, não está igual à lista de uma criança de 5 anos para papai Noel??Em outras palavras se exigirmos menos do outro conseguimos encontrar um eixo, por incrível que pareça EXISTE, e é possível sim, mas temos que estar sempre atentos à tudo...pois tudo pode acontecer, e se não tomarmos a direção certa, se não formos pilotos, com certeza seremos carona ou ficaremos na pista; o amor, falando em relacionamento é uma mistura muita bem dosada da razão com a emoção.Enfim, depois de trilhados esses caminhos, e vermos q a pessoa é uma pessoa bacana "não nos afobemos" sejamos calmos como uma gota de orvalho que cai na ponta de uma folha", e vamos então vivenciar, e sermos gratos à Deus, pois antes éramos apena um, agora existe mais uma pessoa comigo, olhando na mesma direção, mesmo q seja sob outras formas, isso, não é muito importante, o importante é o AMOR, este sim, sublime por si só, e selando duas vidas. Vamos acreditar sim no amor, da mesma forma que não podemos deixar outros barcos afundarem, este então, estará sempre a navegar nas nossas vidas!!! Mto amor no coração de cada um de nós, inclusive no meu. Que possamos nos aperfeiçoar dia- pós-dia, pois mesmo qdo não enxergamos o amor, podemos sentir e seguí-lo." Tente mover o mundo - o primeiro passo será mover a si mesmo. " Platão
Grande bjo ao Marcos Angelo, agradeço mto sua atenção e respeito com todos. Karla

Postar um comentário